Muitas pessoas me perguntam como é trabalhar remotamente, e já algum tempo que eu procuro reservar um tempo para escrever este post. Pois bem, finalmente arranjei um tempo (6 horas de espera em um aeroporto). Tanto o trabalho remoto como a oportunidade de trabalhar para empresas do exterior, seja remoto ou não, tem atraído o interesse de muita gente, principalmente na área de computação. Neste post vou tentar explicar um pouco como funciona esse modelo de trabalho, baseado principalmente na minha experiência e também em relatos de colegas que trabalham para outras empresas.

Para quem quer ler sobre como comecei a trabalhar remotamente, recomendo a leitura do artigo Serviço Público, Home-Office e a 10up. Como larguei o serviço público para trabalhar para os gringos.

O que é?

Trabalho Remoto, também conhecido como Home Office, é um modelo de trabalho em que o funcionário  não precisa estar fisicamente presente na empresa. Normalmente, se trabalha diretamente de casa, mas nada impede que o funcionário trabalhe de onde bem entender, seja de um espaço de co-working ou de um coffee shop.

O modelo de trabalho remoto já é bem popularizado e comum lá fora, existe até caso de empresa fechando escritório pelo simples fato de nenhum funcionário aparecer para trabalho lá! Pois todos preferiram trabalhar de casa. Enquanto que no Brasil, este processo ainda está engatinhando, mas algumas empresas já estão percebendo os benefícios desse modelo e adotando em suas políticas internas.

Vantagens e Desvantagens

Existem várias vantagens de se trabalhar remotamente:

  • Não é necessário translado casa/trabalho/casa
  • Redução de custos com transporte
  • Mais tempo com sua família
  • Menos estresse
  • Trabalhar de qualquer lugar
  • etc

É valido salientar que mesmo com essas vantagens, algumas pessoas ainda preferem o modelo antigo, sentem falta do escritório, dos colegas lado a lado e do ambiente de trabalho tradicional em si. Conheço gente que preferiu voltar para o modelo trabalho tradicional por simplesmente não se adaptar ao trabalho remoto.

O trabalho remoto apesar de todos os benefícios também possuem alguns desafios, e um deles é exatamente o fato de estar em casa. Para alguns é bastante difícil se concentrar, qualquer coisa já é uma distração, e fazer com que sua família entenda que você está em casa mas no horário de trabalho está indisponível também é um desafio a parte. No fim o que é importante é encontrar um balanço entre foco/concentração e o benefício de estar em casa e poder dar aquela parada no trabalho para ficar com a família ou dar uma saidinha para resolver alguma coisa.

Como de fato funciona?

Não posso falar sobre todas as empresas, mas posso, pelo menos passar a minha experiência. Na 10up, trabalhamos 40h semanais, só que o ponto não é o ponto tradicional, não batemos o ponto na “entrada” e “saída”, o tempo é controlado diretamente no tempo gasto trabalhando nas tarefas designadas a você. Uma consequência disso que é as 8h diárias de trabalho são praticamente preenchidas de fato com trabalho que produziu alguma coisa, e para alguns pode ser um desafio atingir essa meta sem utilizar mais que 8h. A vantagem desse modelo é que normalmente há uma flexibilidade no horário, você não precisa trabalhar exatamente 8h por dia (apesar de ser bem recomendado), o que você precisa atingir é as 40h semanais.

Assim é como funciona na 10up e em várias outras empresas, mas tem algumas empresas que trabalham no sistema de metas, sem controle de ponto. Isso vai da política de cada empresa.

Muitos ainda perguntam sobre comunicação, gerenciamento de projetos e etc. Tudo é feito online com ferramentas colaborativas. Usamos o Slack para comunicação instantânea, Zoom para video-conferências, Google Docs para criação e edição colaborativa de documentos, Basecamp para gerência de projetos, Harvest para controle de tempo e muitas outras ferramentas.

Um dia comum de trabalho se resumo a entrar no Slack, dar bom dia, procurar as tarefas a mim designadas, trabalhar nelas, usar as ferramentas de comunicação para tomar decisões, tirar dúvidas e etc e quase todos os dias utilização de ferramentas de video conferência para reuniões internas e/ou diretamente com os clientes. Sim, temos reuniões online com os clientes. Em algumas ocasiões existem os on-sites, que ocorrem quando é necessário uma comitiva da empresa visitar o cliente diretamente por motivos variados.

Quanto pagam (lá fora) ?

Esse é um tópico bem delicado e que varia de país para país. Nos EUA a média (salário inicial) de um desenvolver web é por volta de 50,000 dólares anuais, enquanto que na UK é 30,450 libras anuais.

Fonte: Pesquisa rápida no Google.

Tem muita gente que ganha bem mais que isso e depende bastante da empresa e da sua experiência e capacidade técnica. Um bom site para ter uma ideia de média salarial de uma empresa é o glassdoor.com, nele você pesquisa por uma empresa e pode ler relatos de funcionários, onde alguns reportam seus salários.

Do que preciso para trabalhar remotamente?

Além de capacidade técnica na sua área, na maioria dos casos você vai precisar de inglês fluente, inclusive se a empresa for na Europa, mesmo em países que o Inglês não é a língua principal. Ter o domínio do inglês é essencial e irá te abrir portas para um leque muito maior de oportunidades.

Onde encontrar trabalho remoto?

Uma dica simples para encontrar oportunidades abertas é visitar os sites a seguir, que listam diversas oportunidades de emprego remoto:

A lista foi extraída do blog do Guga Alves, aproveita e dá uma passadinha lá para ler o artigo que ele escreveu sobre trabalho remoto.

Para finalizar é bom lembrar o fato de trabalhar remotamente não significa que você nunca irá conhecer seus colegas de trabalho. A grande maioria das empresas organizam encontros (usualmente anuais) onde todos os funcionários se reúnem para passar um tempo junto, trocar ideias, team building etc. Neste momento estou a caminho do 10up Annual Summit, que este ano será em Porto Rico, será uma semana de palestras, treinamentos e atividades voltados ao team building. Na maioria dos casos é possível colocar “viajar” como uma vantagem de trabalhar remotamente!

E aí, está interessado em trabalho remoto? Já trabalhou remotamente? Comenta aí e vamos trocar experiências.

 

One thought on “Como é trabalhar remotamente?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s